MENSAGEM PARA AS MÃES

 

Um desses dias você irá gritar:

- Por que vocês não crescem e tomam jeito?  

E seus filhos farão isso.

Ou dirá:

- Vão para fora e achem alguma coisa para fazer,

e não batam a porta quando saírem!  

E eles farão isso.

 

Você arrumará o quarto dos meninos...

a colcha lisa... os brinquedos nas prateleiras.

E dirá em voz alta:

- Quero que tudo fique sempre assim!  

E vai ficar.

 

Você vai preparar um bolo que não terá

marcas de dedos na cobertura, dizendo:

- Esse é para as visitas.  

E comerá sozinha.

 

Você dirá:

- Quero sossego quando estiver ao telefone.

Nada de barulho! Silêncio! Ouviram?  

E você o terá.

 

Não mais haverá toalhas sujas de macarrão,

nem plásticos sobre o sofá

para evitar marcas de sujeira.

Não mais portinholas no topo da escada

a fim de evitar quedas,

nem noites  ansiosas,

por causa de um resfriado...

 

Imagine um batom com ponta.

Lavagem de roupa uma só vez por semana.

Não mais reuniões de pais e mestres.

Não mais acordo para levar as crianças à escola.

Ninguém para deixar o rádio ligado até o último volume.

 

Pense sobre isso.

Não mais beijos molhados,

misturados com mingau de aveia.

Não mais risadinhas no escuro,

não mais joelhos para serem curados.

 

Somente uma voz gritando:

- Por que você não cresce?
 

E o silêncio respondendo:

- Cresci!

 

(Autor desconhecido)