Meu nome é FELICIDADE. Você me conhece?...

Faço parte da vida daqueles que têm amigos, pois ter amigos é ser feliz.

 

Faço parte da vida daqueles que acreditam que ontem é o passado,

amanhã é o futuro

e hoje é uma dádiva, por isso é chamado presente.

 

Faço parte daqueles que acreditam na força do amor,

que acreditam que para uma história bonita não há um ponto final.

 

Eu sou casada, sabia? Sou casada com o TEMPO. Meu marido é lindo!

Ele é responsável pela solução de todos os problemas do mundo.

Ele reconstrói corações, ele cura feridas, ele vence a tristeza.

 

Juntos, o TEMPO e eu, a FELICIDADE, tivemos três filhos:

a AMIZADE, a SABEDORIA  e o AMOR.

 

A AMIZADE é a filha mais velha. Uma menina linda, sincera, alegre.

Ela brilha como o sol: une as pessoas, pretende nunca ferir, sempre consolar.

 

A filha do meio é a SABEDORIA. Culta, íntegra.

Sempre foi mais apegada ao pai, o TEMPO.

A Sabedoria e o Tempo sempre andam juntos.

 

O caçula é o AMOR. Como esse me dá trabalho!!!

É teimoso, e às vezes só quer morar em um lugar. Eu vivo dizendo:

- Amor, você foi feito para morar em todos os corações, não apenas em um...

 

O Amor é complexo, mas é lindo, muito lindo!

Quando ele começa a fazer estragos, eu chamo o pai dele, o Tempo.

Aí o Tempo sai fechando as feridas que o Amor abriu.

 

O Tempo me ensinou uma coisa muito importante:

“No final, tudo sempre dá certo. Se ainda não deu,

é porque ainda não chegou ao final”.

 

Por isso, acredite sempre na minha família,

acredite no TEMPO, na AMIZADE, na SABEDORIA,

e, principalmente, no AMOR.

Aí, com certeza, um dia, eu, a FELICIDADE, baterei na sua porta...

                                                                                            

(Autor desconhecido - Enviado por Lucilene Viana)