A prática de andar para trás é importada da China. Nos parques e praças da China é normal ver pessoas caminhando para trás.

 

No começo é difícil e até engraçado, mas faz bem à saúde, pois fortalece músculos pouco utilizados pelo corpo, além de ajudar na coordenação motora.

 

Quando a pessoa anda de ré, pisa de uma maneira diferente, primeiro com os dedos e depois com o calcanhar, e, por isso, ajuda no processo de recuperação de lesões nos joelhos, bacia e tornozelos.

 

Os primeiros passos não são fáceis, mas não é difícil pegar o jeito e se acostumar.

 

A prática de andar para trás pode ser feita durante os recreios nas escolas, nos parques, até mesmo em esteiras...

 

PENSE: se quiser andar bem para frente na vida... talvez seja uma boa ideia dar alguns passos para trás...

 

SE QUISER ANDAR BEM PARA FRENTE,

APRENDA A ANDAR BEM PARA TRÁS!

 

 

(GCC - Adaptação da internet)