Três mineiros e três paulistas estavam viajando de trem para um congresso. Na estação, os três paulistas compraram um bilhete cada um, mas viram que os três mineiros compraram um só bilhete.

- Como é que os três vão viajar só com um bilhete? - Perguntou um dos paulistas.

- Espere e verá. - Respondeu um dos mineiros.

 Então, todos embarcaram. Os paulistas foram para suas poltronas, mas os três mineiros se trancaram juntos no banheiro. Logo que o trem partiu, o fiscal veio recolher os bilhetes. Ele bateu na porta do banheiro e disse:

- O bilhete, por favor.

A porta abriu só uma frestinha e apenas uma mão entregou o bilhete. O fiscal pegou o bilhete e foi embora. Os paulistas viram e acharam a idéia genial.

Então, depois do congresso, os paulistas resolveram imitar os mineiros na viagem de volta e, assim, economizar um dinheirinho. Quando chegaram na estação, compraram só um bilhete. Para espanto deles, os mineiros não compraram nenhum.

- Mas, como é que vocês vão viajar sem passagem? - Um paulista perguntou perplexo.

- Espere e verá. - Respondeu um dos mineiros.

 Todos embarcaram e os paulistas se espremeram dentro de um banheiro e os mineiros em outro banheiro ao lado. O trem partiu. Logo depois, um dos mineiros saiu, foi até a porta do banheiro dos paulistas. Bateu e disse:

- A passagem, por favor. . .