Uma vez um filhote de leopardo afastou-se de casa e se aventurou entre uma grande manada de elefantes. Seus pais o tinham advertido para manter distância daqueles gigantescos animais, mas ele não lhes deu ouvidos. De repente, houve um estouro da manada e um elefante, sem sequer vê-lo, pisou no filhote.

 

Pouco depois uma hiena encontrou o corpo e correu a contar aos pais.

- Trago notícias horríveis - ela disse. - Encontrei seu filhote morto na savana.

 

A mãe e o pai leopardos deram urros de raiva e desespero.

- Como aconteceu? - perguntou o pai - Diga quem fez isso com nosso filho! Não descansarei até me vingar!

- Foram os elefantes - disse a hiena.

- Os elefantes? - disse o pai leopardo, surpreso - Você disse que foram os elefantes?

- Sim - disse a hiena, - vi as pegadas deles.

 

O leopardo andou de um lado para o outro, rosnando e balançando a cabeça.

- Não, você se enganou - disse por fim. - Não foram os elefantes. Foram as cabras. As cabras assassinaram meu filho!

 

Imediatamente deu uma corrida morro abaixo, irrompeu entre um rebanho de cabras que pastavam no vale e, num ataque de fúria, matou todas em vingança.

(Lenda africana)