Diógenes, chamado, "O Cínico", era um filósofo da antiga Grécia. Conta-se que um dia ele estava na esquina de uma rua, rindo como um louco.

 - De que está rindo? - perguntou-lhe alguém que passava.

 - Da estupidez do comportamento humano - respondeu. - Está vendo aquela pedra no meio da rua? Desde que cheguei aqui, hoje de manhã, dez pessoas tropeçaram nela e a xingaram, mas ninguém se deu ao trabalho de tirá-la dali para que os demais não tropeçassem nela!

 

(Anedota grega)