Num certo dia, um jovem chegou a uma cidade, foi até a praça principal, subiu ao coreto levantado no centro do espaçoso local e começou a chamar as pessoas que passeavam ou estavam sentadas nos bancos da praça.

 

Quando já se tinha juntado uma pequena multidão, o jovem começou a falar:

 

- Povo desta cidade!!!... Querem conhecimento sem dificuldade?... Verdade sem falsidade?... Triunfo sem fazer esforço?... Aprender sem estudar?... Progresso sem sacrifício?...

 

Rapidamente o número de pessoas aumentou e a multidão ocupou toda a praça. O jovem repetiu as mesmas palavras:

 

- Povo desta cidade!!!... Querem conhecimento sem dificuldade?... Verdade sem falsidade?... Triunfo sem fazer esforço?... Aprender sem estudar?... Progresso sem sacrifício?...

 

 A multidão gritava:

- Queremos!!! Queremos!!! Queremos!!!

 

Quando os gritos diminuíram, o jovem continuou:

 

- Muito bem!!!... Era só para saber. Porque eu também quero e não sei como fazer. Mas, se algum dia eu descobrir, podem confiar em mim, eu lhes direi como devem fazer.

 

Desceu do coreto e foi embora abanando as mãos em despedida...

 

 

(Conto oriental)