A mulher inclinava-se sobre a vítima de um acidente de rua e uma porção de gente estava em volte. De repente, ela foi rudemente empurrada de lado por um homem que disse:

 - Afaste-se, por favor. Fiz um curso de primeiros socorros.

 A mulher ficou olhando por alguns minutos, enquanto o homem se ocupava da vítima. Então ela disse, com toda a calma:

 - Quando chegar à parte em que tem de chamar o médico, lembre-se de que já estou aqui.

 ***   ***   ***

 Você sabe quem é a pessoa que está afastando de você? Muitas vezes é, precisamente, o “médico” que estamos precisando naquele momento, e que está tentando ajudar-nos!

 

 

(Antony de Mello - “O enigma do iluminado-II”)