Um explorador, em algum lugar dos trópicos, decidiu impressionar os indígenas, levando alguns deles para um passeio de avião.

 O avião passou pelas aldeias, colinas, florestas e rios. De vez em quando, eles olhavam pela janela, mas, de modo geral, não pareciam nem um pouco impressionados.

 De volta ao solo, o grupo desceu do avião sem fazer nenhum comentário.

 Ansioso para obter alguma reação, o explorador exclamou:

- Não foi maravilhoso? Pensem no que os seres humanos realizaram! Lá estávamos nós, sobrevoando as árvores, as montanhas, olhando a terra aqui embaixo!

 O grupo ouviu, impassível. Finalmente, o líder falou:

- Insetos fazem isso.

***   ***   ***

"E, além do mais, são felizes!"

Depois de vários milhares de anos, avançamos tanto que, à noite, trancamos portas e janelas, enquanto os indígenas menos "avançados" dormem em choupanas abertas.

 

(Antony de Mello - "O segredo do iluminado")