Um jovem chegou ao céu e pediu para falar com Deus. Ele afirmava que, segundo sua opinião, havia uma coisa na criação que não tinha nenhum sentido.

 

Deus soube de seu desejo e o atendeu imediatamente, curioso por saber qual era a falha na criação.

- Senhor Deus - disse o jovem - sua criação é muito bonita, muito funcional. Cada coisa tem sua razão de ser, mas, do meu ponto de vista, há uma coisa que não serve para nada.

- Que coisa é essa que não serve para nada? - perguntou Deus.

- É o horizonte. Para que serve o horizonte? Se dou um passo em direção ao horizonte, ele se afasta um passo de mim. Se caminho dez passos, ele se afasta outros dez passos. Se caminho quilômetros em direção ao horizonte, ele se afasta os mesmos quilômetros de mim. Isso não tem sentido. O horizonte não serve para nada.

 

Deus olhou para ele, sorriu e disse:

- É justamente para isso que serve o horizonte: para fazer as pessoas caminharem.

 

(Sementes de esperança)