O GRANDE AMOR

A mocinha olhou com admiração para a Irmã, muito jovem, muito inteligente, muito bonita, muito alegre, e disse-lhe:

- Você deve ter perdido um grande amor, para vir se encerrar num convento.

A freira olhou para ela, surpreendida, e respondeu:

- Eu não perdi um grande amor. Eu o encontrei!

(Autor desconhecido)