Quando o dono da casa ao lado estava apanhando as frutas que tinham caído da árvore do seu vizinho, no seu quintal, aproximou-se dele o vizinho, proprietário da árvore, e lhe disse:

 

- Pode deixar! Eu mesmo vou apanhá-las.

 

- Ótimo! - concordou o dono do quintal. - E não se esqueça de apanhar também as folhas!

 

(Autor desconhecido)