O discípulo já cansado de andar, disse ao mestre:

- Mestre, por mais que eu corra e grite por ela, não consigo descobrir a felicidade.

 

O mestre diminuiu o passo, parou e disse:

- E você não irá descobri-la nunca. Pare um pouco e cale. É que ela também se cansou de correr atrás de você...

 

E acrescentou:

- A felicidade encontra-se dentro de cada um de nós.

 

O discípulo acabou por descobrir, também, que a felicidade é para ser ouvida, entendida, percebida, sentida e aceita. Como uma parceira.

 

(FERNANDO EDSON TAVARES)
 (Folhinha do Mensageiro do Coração de Jesus 06/01/2006)