Numa loja de brinquedos, a balconista mostra a uma menina, acompanhada de sua mãe, uma boneca muito fina e sofisticada:

 

- Esta boneca anda, fala, chora, fecha os olhos, move os braços, mama a chupeta... - explicava entusiasmada a vendedora.

 

A menina interrompeu desdenhosamente:

 

- Eu tenho uma irmãzinha que faz tudo isso. Eu quero apenas uma boneca!


(Autor desconhecido)