Um jovem dirigiu-se à porta de sua amada e bateu.

A amada perguntou:

- Quem está aí?

Ele disse:

- Sou eu!

A amada respondeu:

- Não há lugar para Mim e para Você.

 

O jovem foi embora.

Após um ano de solidão e privações, ele voltou e bateu.

A amada, de dentro, perguntou:

- Quem está aí?

O jovem respondeu:

- É você!

 

A porta abriu-se para ele.

 

(Jalaluddin Rumi)