Um professor de Filosofia entra na sala de aula, põe a cadeira em cima da mesa e escreve no quadro:

 

"Provem-me que esta cadeira não existe".

 

Imediatamente, os alunos começam a escrever longas dissertações sobre o assunto.

 

No entanto, um dos alunos escreveu apenas duas palavras na folha e entregou-a ao professor.

 

O professor, quando a recebe, não pode deixar de sorrir, depois de ler:

 

"Que cadeira?"

 ****************************

CONCLUSÃO

 Não complique!

Não procure chifres em cabeça de cavalo ou pelo em ovo.
Opte pela simplificação.

 

 

(Autor desconhecido)